No último final de semana, dias 05 e 06/05, o Torneio Início abriu a nova temporada do CIFUCA, que este ano tem o tema Copa do Mundo. No sábado, aconteceram as disputas pelas categorias Master e Sênior, e no domingo, pela categoria Adulto.

O Cifuca é o maior torneio interno de futebol realizado pelos clubes da Capital e movimenta o gramado do CBH durante a maior parte do ano, envolvendo grande número de sócios.

 

 

Após o hino nacional e hasteamento da bandeira, a diretoria do Clube deu as boas-vindas aos atletas. O presidente do CBH, Carlos Caixeta, o Carlão, chegou a se emocionar, durante a abertura de domingo.

 

 

Lincoln, Deli, Carlos, Paulinho e Jorge

O evento já é tradição e acaba sendo esperado por todos os jogadores. “É uma atração a mais, que deixa a gente mais animado a vir ao clube. O Toneio Início é para gente conhecer os colegas, mesmo sendo muito rápido”, disse Vicente de Paula, o Paulinho, jogador do time da Argentina pela categoria Sênior, que é sócio e participante do Cifuca há seis anos.

 

 

Japão e Argentina saem na frente

 

No sábado, só deu Japão.  Tanto na categoria Sênior quanto na Master, os campeões foram do time asiático. Já no domingo, pela categoria Adulto, a equipe campeã foi a Argentina.

 

“O time vencedor começa o Cifuca com um ponto de vantagem. Pode parecer pouco, mas faz muita diferença no final”, explicou Rui César Moraes, coordenador de Esportes do CBH.

 

 

Na avaliação do sócio Maurício Gonçalves, jogador do Japão pela categoria Master, as equipes estão bem equilibradas. “Graças a Deus, meu time conseguiu ser campeão. Nossa união é muito boa. Os outros times também são muito qualificados para o evento, e um detalhe ou outro escapa é que faz o vencedor”, disse.

 

 

 

“O campeonato está excelente, o sorteio foi feito da melhor forma possível. Gostei bastante do desempenho do meu time. Mesmo estando comum um jogador a menos, com muito sofrimento conseguimos ser campeões”, comemorou Márcio Pires, jogador do Japão pela categoria Sênior.

 

 

Sócio do clube há quinze anos e jogador do Cifuca há sete, Márcio ainda brincou sobre seu desempenho na partida, provocando o colega: “Acabei sendo algoz do meu amigo Nivaldo, goleiro do time da Inglaterra. Eu falei: Nivaldo, eu vou fazer gol em você! Ele duvidou, mas está aí, as câmeras filmaram”.

 

Japão Sênior

Japão Master

Argentina Adulto

 

Veja as fotos em: https://photos.app.goo.gl/RPf9UWgW8a1BJ1yH7